sexta-feira, 30 de novembro de 2007

limiar de excitação



Li neste livro que estuda o comportamento sexual animal e aborda principalmente os humanos, que os machos têm geralmente um limiar de excitação mais baixo que as fêmeas, ou seja, excitam-se mais fácil e rapidamente. Segundo os autores, isto deve-se ao facto de o seu contributo para geração de prole (o esperma) ser muito menor que o da fêmea (ovo ou óvulo). A fêmea geralmente aposta na qualidade e é mais selectiva na escolha do(s) parceiro(s) para gerar a melhor prole. O macho por sua vez, aposta na quantidade, já que não precisa de despender tanta energia para gerar descendência, a estratégia é quantos mais, melhor.

Uma mulher demora cerca de 28 dias a preparar um óvulo para fertilização. Um homem expele cerca de 250 milhões de espermatozóides em cada ejaculação.
Isto leva-me a pensar até que ponto a biologia está enraizada nos nossos comportamentos.
Claro que a contracepção separa definitivamente o sexo da reprodução, e há mulheres que se excitam muito facilmente e homens que demoram mais. Na sociedade actual encontram-se todo o tipo de variantes.

Mas isto parece ser uma boa explicação para certos comportamentos, não achas? Sexo fácil ou luta renhida, hã?

imagem: Egon Schiele

9 comentários:

Horácio Lobo disse...

Gostei dessa análise. Na minha opinião, nada como uma boa luta renhida para apimentar as coisas...
Acreditamos que chegou a altura de entreabrir as portas do Private-Club, Demonstrar, que o nosso blogue vai um pouco além dos escritos eróticos. Após algumas conversas, decidimos alargar o nosso grupo através da blogosfera...
Bom fim de semana!

carpe vitam! disse...

Podes crer! Eu gosto quando me dão luta! Nada mais apetecível que alguém que finge que não está nem aí! As coisas fáceis não dão tanto gozo.
Em relação ao vosso Clube, desejo-vos sabedoria para encontrarem os membros ideiais. boa sorte! ;-)

Pekenina disse...

Interesso-me particularmente pelos factores biológicos que desencadeiam todas estas (boas) reacções. É deveras impressionante o que o nosso corpo faz para que tudo isto se passe. Atrasar essas reacções só pode resultar em excitação prolongada =)

Alguém Comum disse...

os 250 milhões de zóides de cada vez é uma média...
Maior na primeira do dia...
Muito menor na última do dia...

Portanto, como fomos seleccionados entre uma média de 250 milhões, quando alguém disser que somos incompetentes, basta dizer que fomos melhores que 250 milhões de outros, e alguns ainda conseguiram enganar as "barreiras da autoestrada".

carpe vitam! disse...

É uma excelente forma de encarar a vida!

QJ disse...

luta renhida claro.

sexo fácil é uma desculpa que muitos arranjam para "despejar" as suas frustações, e não querem entender que isso não é nada!

Marrie disse...

É uma análise coerente!
Outro dia estávamos a pensar neste assunto......... nessas diferenças entre homens e mulheres.... dizia eu q gostaria de ser homem um único dia p/saber como funciona esse negócio de ficar "alerta" tão rapidamente. No final da discussão, desisti! E sabe pq? Pq gozamos proporcionalmente à demora da nossa excitação!
Homem = excita-se facilmente e goza uma única vez (a maioria, digamos assim)
Mulher = demora um pouco mais p/excitar-se mas goza uma, duas, três, quatro.... qtas vezes nos permitirem!
Ótimo post. Gostei.
bjs

candida disse...

eu estou pior do k o bino :)

carpe vitam! disse...

desculpa a minha ignorância, mas quem é o bino?