terça-feira, 18 de dezembro de 2007

Imagina…

Sais do trabalho tarde, após um dia cansativo e tens apenas uma coisa em mente:


Desejas com fervor que a loja da esquina ainda esteja aberta, e está! Compras uma barra de chocolate de leite recheado de caramelo. Mal cabes em ti de contentamento: seis pedaços de prazer todinhos para ti, seis momentos mágicos de puro deleite com caramelo. Vais doseá-los bem, aproveitar cada bocado ao máximo.
É noite, faz frio e chovisca. Corres escadas abaixo abrindo ansiosamente a embalagem, e o aroma do chocolate mistura-se com o do caramelo. Partes o primeiro pedacinho e o chocolate é tão suave que nem se ouve o partir.
Entras no carro a sorrir, derretendo-o contra o céu da boca, acariciando-o com a língua. Na rádio passa aquela música que tanto gostas. Estás na fila dos semáforos, fechas os olhos por um instante e deixas-te levar por aquele sabor quente, o chocolate já derretido e o caramelo intenso a desfazer-se num líquido sublime.
Reparas no efeito curioso dos pingos de chuva a refractarem a luz vermelha do carro da frente. Sabe bem estar a caminho de casa, mal podes esperar por um banho quente!
Preparas o banho, pões outro pedaço na boca enquanto te despes. Sabe-te bem lavar o corpo cansado e esvaziar a mente enquanto saboreias o doce e tentas não mexer a língua, não engolir para prolongar o sabor até liquefazer. Registas todas as sensações deste sabor que se prolonga na tua memória.
De banho tomado, sentas-te na cama, ouves o vento lá fora enquanto ofereces à tua boca mais um pedaço. O caramelo não se quer soltar e deixa um rasto elástico entre um pedaço e outro. Aperta-lo contra o céu da boca, extraindo o sabor apaixonante que diz ao teu cérebro para libertar mais endorfina e serotonina na corrente sanguínea. Sentes imediatamente o efeito envolvente de bem-estar percorrer-te o corpo todo, recostas-te, fechas os olhos e pensas como seria bom oferecer um beijo de chocolate com caramelo ao teu amor. A tua imaginação apodera-se da realidade e brinda-te com o teu desejo. Partilhas os pedaços que restam com quem amas, em beijos deliciosamente doces e reconfortantes...

23 comentários:

Alguém Comum disse...

Chocolate...
Que belo afrodisíaco...

Escuro, duro, depois derretido ao lume com um pouco de leite.
Molhar com pão torrado ainda quente.
O amor... bem pode esperar.

hummmmmmmm

carpe vitam! disse...

ummmmm, com pão torrado ainda não experimentei, pena o chocolate já se ter acabado, fica para a próxima!
às vezes as tuas palavras sabem-me melhor que chocolate :-)

Pekenina disse...

Não sou grande apreciadora de chocolate, mas este post deixou-me com vontade de ir ali à gaveta dos doces. Hehe. Pena não ter eu o meu amor aqui para partilhar esses quadrados doces.
Ainda assim, um beijo doce para ti*

QJ disse...

Eu quero desse chocolate!

E quero esse beijo deliciosamente achocolatado!

beijos achocolatados

"Minhas Lindas" disse...

Ê vontade de me lambuzar....

bjkas Brasileiras!

Pedro disse...

Adoro chocolate!
Diria mesmo que, acho, sou viciado em chocolate!
Dá sensações quase, eu disse e repito quase, tão boas como o sexo!
Epá fiquei com vontade de ir ali ......trincar um pouco daquele .........ou então.......!

Anónimo disse...

.......ou então......?
voltas-me a deixar uma vez mais com...fusa, Pedro!

carpe vitam! disse...

confusa ou com tusa? Que confusão!

diabo no corpo disse...

têm um presente no meu blog!

beijos

Bichinho disse...

Bom, muito bom...até para quem não gosta de chocolate. Beijo fantasma.

Pedro disse...

Anónimo, descobri quem és!!!!!!
És a floribela!!!!!!!
LOL

Anónimo disse...

oui, c'est moi...

bruxinhoskidos disse...

Huuuuummmmm!!!! Que boa provocação que vim aqui encontrar.
O chocolate reconforta-me, faz-me sentir quentinha, faz-me sentir bem, o sexo também.
O beijo com sabor a chocolate do melhor.
Adoro a sensação do chocolate quente e derretido na pele, a lingua gulosa que percorre a pele ávida de ... chocolate.

jocas boas
bruxinha

carpe vitam! disse...

sim, é muito bom! Topping de chocolate na pele, com pedaços de fruta, chantilly... é um bocado pegajoso, mas nada que uma bela banhoca depois não resolva ;-)

Anabelacps disse...

CarpeVitam!

... e se de repente alguém, algum dia te provocar com chocolate fundido (ganache)...

... isso será tudo menos uma proposta indecente... ;)

carpe vitam! disse...

:-) sim, já me provocaram com ganhache e eu não resisti! Não aprecio muito é chocolate com licores que escorrem, para isso prefiro a bela ginjinha em copo de chocolate ;-) Quanto a indecências, depende muito de quem, quando e como provocar...

Doce Veneno disse...

Feliz Natal meus queridos provocadores!! hehehe

E bom ano novo também...

Beijinhos

Algures em Nenhures disse...

Vim aqui ter através da Diabo... e ainda bem que aqui vim dar uma espreitadela.
Gostei do que li e vi. Bom blog. :)

Beijos e abraços

Linkei.

carpe vitam! disse...

gracias, volta sempre :-) também já andei a espreitar o teu cantinho...

luafeiticeira disse...

Ora bolas, comprei hoje Ferrero Rocher para o Natal, assim vou já abrir a caixa.
beijos achocolatados

cereja disse...

por favor não vão a Óbidos ao festival do chocolate!

carpe vitam! disse...

Já fomos, várias vezes, e confesso-te que foi uma desilusão. Muito chocolate sim, mas mais para ver do que para comer, e eu gosot mesmo é de tocar, principalmente com a língua! Serás tu um motivo para voltar e mudar de opinião?...

cereja disse...

É que eu sou de Óbidos...
não vão lá, um bom chocolate saboreia-se em qualquer parte, quente, a derreter pelos cantos dos lábios a entrar no decote. Um pingo grosso de chocolate amargo no bico do meu seio, uma lingua que o espera sem lhe tocar...