sexta-feira, 1 de agosto de 2008

provocação gratuita 27

"Cada desejo enriqueceu-me mais do que a posse sempre falsa do objecto do meu desejo."

André Gide

12 comentários:

Otário disse...

somos mais fortes quando temos desejos: quando procuramos ter, fazer, realizar algo. a partir do momento em que concluimos o desejo, nada há a fazer e a força diminui, pois já não existe nada para que possamos lutar no momento...

Pekenina disse...

O desejo torna-nos ambiciosos. O mal é quando a ambição nos cega e o objecto de desejo se torna o único interesse. Muitas vezes ganhamos mais no percurso até ao objecto do que com ele propriamente dito.

mjf disse...

Olá!
O desejo é um impulso necessário..para atinjirmos a felicidade ;=)

Beijocas

doiSabores disse...

A posse é sempre relativa... É sempre falsa...mesmo quando se pensa o contrário...
Mas o desejo...o desejo vale sempre a pena...

Beijos e abraços saborosos

cereja disse...

A posse é sempre falsa só porque é posse, nada podemos possuir, mas o desejo consumado também já me enriqueceu muitas vezes

Bia disse...

Cada desejo é um instante aproveitado e que perdura na memória... já a posse é um sentimento falso, pois nada possuímos de facto !!!


miminhos.. atrevidos!

Pearl disse...

Estou numa fase em que abomino qualquer sentimento de posse não quero dizer com isso que entretanto não mude (nunca se sabe)!

O desojo sim faz-nos voar sentir e claro querer para nós, e faz-nos tambem crescer obviamente!!

beijinho

morango disse...

... porque o importante é a viagem, e nao o destino... ;)

cereja disse...

Muito Zen morango!

CamaReira disse...

Excelente provocação!

Beijos Ardentes

Cão Sarnento disse...

Assim fala quem sabe das desilusões da vida.

carpe vitam! disse...

Saber distinguir entre o que queremos e o que precisamos é meio caminho andado para evitar desilusões. Quando realmente se precisa de algo e se quer mesmo, é muito mais difícil a desilusões nos deterem. E há viagens que valem pelo caminho que se faz e pelo destino onde se chega.