sábado, 14 de junho de 2008





13 comentários:

QJ disse...

peixinho malandro ;-)

carpe vitam! disse...

prazeres líquidos, aquáticos, transparentes, cristalinos...
sorvo as tuas palavras e deixo-as depois escorrer por mim

Pekenina disse...

E que mais dizer...? A água será sempre um ambiente que puxa pela curiosidade de saber/sentir sempre mais...

Beijinho*

cereja disse...

Sinto-me como o peixinho dentro da água! Está muito bonita a tua animação da minha literatura de cordel.Acho que vou passar o resto da tarde na "banheira" :-)))

muito querida disse...

uauuuuuuuuu

está lindo..

bjs

carpe vitam! disse...

pekenina, nascemos da água, talvez por isso ela seja tão... confortável.

cereja, adoro a tua "literatura de cordel", gracias pela partilha, quero mais!

muito querida, eu sabia que ias gostar :-)

ONDINHAS disse...

e a Ondinhas sou eu...

esta mto bonito!!!

Marquesa disse...

Muito giro!!

doiSabores disse...

Sensação boa...dá vontade de ser sereia...lol

carpe vitam! disse...

cereja, és uma sereia encantada, não és? :)

cereja disse...

não, sou so uma cereja dentada

carpe vitam! disse...

mas se levares uma dentada, não te transformas em sereia?

cereja disse...

o problema � o enjoo no mar...