terça-feira, 22 de janeiro de 2008

Ao Sabor da Poesia


E então vai...

Em cada coração há uma casa
Um santuário seguro e forte
Para curar os amantes das feridas do passado
Até um novo amor aparecer

Eu falei com você em tons baixos
Você me respondeu sem pretensão
E ainda sinto que falei demais
Meu silêncio é minha auto-defesa

E cada vez que colhia uma rosa
Parecia que só sentia os espinhos
E então vai, e então vai...
E em breve você vai, suponho...

Mas se o meu silêncio te fez ir embora
Esse teria sido o meu pior erro
Então compatilharei esse quarto com você
E você pode ter este coração para quebrar

E essa é a razão dos meus olhos estarem fechados
Eles estão assim apenas para tudo que eu vi
E então vai, e então vai...
E você é único quem sabe

Então eu escolheria ficar com você
Se a escolha fosse minha
Mas você pode fazer decisões também
E você pode ter este coração para quebrar

E então vai, e então vai...
E você é único quem sabe



Tradução de "And So It Goes"
Legião Urbana

8 comentários:

Noivo disse...

se em português é bonito imagino o original! obrigado!

D. Sebastião disse...

Faz pensar. De vez em quando é bom para não perder a prática.

Bichinho disse...

Beijo fantasma.

Adore disse...

Venho provocar-vos com um desafio :) espero por voces.

beijinhos

Viajante disse...

Tenho de ir procurar essa canção...

luafeiticeira disse...

A decisão nunca é só duma pessoa.
A saga dalton continua...
beijos

Casal K T disse...

Belo poema... obrigado pelos comentarios no nosso blog, ja adicionamos o link do vosso blog no nosso.

Casal KT http://asnossasfantasias.blogspot.com

Pekenina disse...

Que bonito... :)
Beijinho*