terça-feira, 8 de junho de 2010

Alperces

foto: Getty Images



A fome aperta vai a manhã a meio.
é no que dá pedalar forte e feio!
Comi uma pêra, mas não me satisfez.
Fui à frutaria e comi 10 de uma vez!
Os primeiros do ano, que bem me souberam!
Ofereci aos meus colegas, mas não quiseram…

Pequenos, macios, doces, sumarentos…

Um aroma fresco e suave tal brisa de Verão
Sorvo de um trago a energia dos momentos
em que conforto o estômago e reforço a atenção!

Não sabem o que perderam!


Queres?

38 comentários:

Imperator disse...

claro que quero!!!

estou cá com uma fomeca...

Pekenina disse...

Adoro alperces! Aliás, fruta em geral.

O doce, o sumo a escorrer pela mão e ir lá com a língua para não perder uma gota que seja...

Deixaste-me de água na boca :)

Beijo

carpe vitam! disse...

Meu Caro Imperator, espero que entretanto te tenhas saciado. Senão... podes sempre passar por cá ;)

Pequenina, aquele redondo polpudo... ummm que bem que sabe!
Beijos com alperce a escorrer pelo queixo!

Mika disse...

A felicidade encontrada no trincar de um alperce...eu já tive a mesma mas com cerejas...vermelhas...hummm

carpe vitam! disse...

é. eu acho que a fruta é um depósito de felicidade. quando trincas, ela sai lá de dentro e quando engoles fica dentro de ti!

ui... nem me fales nas cerejas!

Helel Ben Shahar disse...

Quero. :)

Embora goste mesmo é de pêras, sumarentas, maduras, daquelas que mordes e o sumo escorre pelo queixo e pelas mãos.

Fiquei com fome, assim de repente...

carpe vitam! disse...

Pois, mas a pêra já eu comi! E os alperces também, mas há mais ali na frutaria. Tenho aqui agora é banana, palpita-me que não deve durar muito mais tempo inteira.

Eu prefiro pêras rijas ou então assadas, de preferência frias. Aquele açúcar natural da pêra carameliza e a polpa fica simultaneamente firme e macia - gosto!

Man Poison disse...

A Nêspera

Uma nêspera
estava na cama
deitada
muito calada
a ver
o que acontecia

chegou a Velha
e disse
olha uma nêspera
e zás comeu-a

é o que acontece
às nêsperas
que ficam deitadas
caladas
a esperar
o que acontece



Mário Henrique Leiria

goti disse...

Adoro estar em cima da árvore e come-los....hummmmmmm...delicia!!!

beijo doce

Vontade de disse...

Dito assim, parecem bem bons. :D

carpe vitam! disse...

homem veneno, o que eu curto esse gajo e os seus poemas do gin tónico! Também adoro nêsperas, o que faz uma combinação curiosa. essas como-as até ficar com os dedos amarelos!
fiquei recentemente a saber que as nêsperas grandes no norte se chamam "maganórios"... uma pessoa está sempre a aprender! ;)

carpe vitam! disse...

Goti! eu tinha damasqueiro que tinha sido enxertado num pessegueiro muito temperamental que ora não dava nada, ora ficava todo carregadinho! E nem precisava de subir muito, que ele não era muito alto. era só apanhar e comer!

carpe vitam! disse...

Vontade, não parecem, é que são mesmo muito bons!

Rafeiro Perfumado disse...

Perdi uma corrida para o WC, se enfardasse tanta fruta de uma vez só!

carpe vitam! disse...

lol, Rafeiro, os alperces eram mesmo pequeninos, comiam-se em duas dentadas! isso já me aconteceu mas foi com as nêsperas, mas aí abusei mesmo, comi mais de 1 kg! ahahahahahaha

Otário disse...

é isso e diospiros.
fruta. pois.

carpe vitam! disse...

dióspiros são docinhos e molinhos, primos do tomate, mas prefiro alperces ;)

Sleeping Angel disse...

(…) Naquele chão de aromas, Chão de Amor
tudo o carinho fez… desde o valado
de terrão verde, ao muro e casa de alicerce.

Mas a mais linda e deliciosa flor
que eu vi crescer ansioso e deslumbrado
Ah foste Tu __ meu sumarento alperce.

carpe vitam! disse...

ena, tu por aqui?
Gracias por trazeres também o poema do António Vieira Lisboa!
A poesia rima lindamente coma fruta ;)

oToupeiraX disse...

Aceito pois! É sem dúvida uma das minhas frutas preferidas.

carpe vitam! disse...

Ui, estive há pouco a ver uma receita de crumble de alperce...

Waldorfa disse...

Quero um fresquinho, riginho e sumarento, daqueles que nos lambusamos todos a comer e acabamos a chupar os dedos...

Beijos doces

carpe vitam! disse...

... docinho mas ligeiramente ácido, polpudo, a derreter-se na boca... como eu te percebo! TOMA!

Waldorfa disse...

Desses mesmo hummmm, já me estou a lambusar...

carpe vitam! disse...

Ai pois é!
Deixo aqui a receita que descobri quando fui atrás da poesia que o Sleeping Angel deixou por aqui:
http://www.flagrantedelicia.com/sobremesas-de-colher-pudins-e-souffles/tempo-para-alperces/
Já experimentei e gostei, se bem que um crumble de maçã em que se substitui a maçã pelo alperce também não me pareça nada mal e dá muito menos trabalho ;)

Waldorfa disse...

Hummmm adoro crumble de maçã, é a minha sobremesa preferida, de alperces deve ser muito bom também, yami tenho de experimentar.

carpe vitam! disse...

ummmmmmmmmmmmmmmmmmmm, estou neste momento a saborear mais uma dose de alperces da frutaria aqui do lado, estes ainda são melhores que os outros!

Pekenina disse...

E ontem fui comprar alperces e nectarinas :)

Hoje vou perfumar a casa :)

carpe vitam! disse...

Acabei de comer outro! ahahahaha! é que há uns que são mais massudos, farinhentos, mas eu prefiro os fibrosos, são mais ácidos, mas quando estão bem madurinhos são mais doces, que delícia! Nectarinas também gosto! Cheiram mesmo bem! ;)

Lúcio Ferro disse...

Vou ter que dispensar. Uma vez, há uns bons 10 anos, apanhei uma tal indigestão de pêssegos (dois, enormes, maduros, no verão, em jejum) que nunca mais tão funesto e agourento fruto me voltou a passar pelo estreito (fiquei traumatizado), fosse esse o mais recôndito dos que albergo ou tão-somente o mais óbvio.

Mas gostei do poema na mesma :)

carpe vitam! disse...

Pekenina, adivinha a que cheira o meu gel duche! ;)

carpe vitam! disse...

Lúcio, isto está um bocadinho longe de ser um poema, é mais umas quantas palavrinhas que rimam. não acredito que tenhas deixado de comer pêssegos por causa de uma indigestão! E deixaste de comer alperces, também? E nectarinas, comes? Deixaste de comer fruta? É que não sabes mesmo o que estás a perder!

Pekenina disse...

Já usei foi um champô... Até apetecia comer :)

carpe vitam! disse...

Sim, há um da Garnier, mas o cheiro é um bocado artificial, este gel duche é de nectarina e gengibre branco, deliciosamente fresco!

Alien David Sousa disse...

Quero! ;)
Alien kisses

Anónimo disse...

fiquei faminta com tanta fruta doce
Toque

carpe vitam! disse...

Alien, minha linda, numa frutaria perto de ti! Procura os de origem portuguesa, que são bem melhores que os espanhóis! ;)

carpe vitam! disse...

suave Toque, um amigo meu tem um damasqueiro no quintal carregadinho... Ainda tem muitos verdes, mas creio que para a semana estarão no ponto Queres cá vir?